Quinta-feira, 29 de Novembro de 2007
Uma manhã qualquer

- É sempre assim. Todos os dias se repete a mesma cena: eu, cheia de pressa, e tu, sem ligares a mínima ao que se passa lá fora e à urgência de iniciar o dia, ainda que com pouca vontade.

 

- Homens!, pensava ela, enquanto escovava mais ou menos cuidadosamente o cabelo, que já tinha perdido o brilho de outros tempos. Os caracóis, nesse dia em particular, estavam mais rebeldes que nunca, os brancos faziam a sua aparição por entre a melena meia aloirada.

 

- Tens de pintar o cabelo.

 

A sentença caiu que nem uma bomba naquela manhã. Seria possível que ele lhe estava a chamar velha?

 

- Desculpa?! Tu, por acaso, por um mero acaso, estás a dizer que estou a ficar velha?!

 

- Não foi isso que disse. Limitei-me a dizer que tens de pintar o cabelo...

 

- Pois, foi exactamente isso que percebi. E isso, para mim, é uma sentença de que estou a ficar velha!

 

- Não sejas assim! Desculpa lá, por ter reparado em ti...

 

- A seguir vai dizer que preciso de um lifting, não?!

 

- Bem, já vi que não te posso dizer nada. Olha, a casa de banho já está vaga...

 

- Porquê? Também achas que tenho de me ir pintar? Mais vale dizeres logo que me queres trocar por uma miúda de 20 anos, com cara de anjo e corpo de deusa... de preferência, com umas mamas 38, bem rijinhas e no sítio...

 

- Ok, já chega. Não adianta falar contigo! Até logo!

 

- E o meu beijo?

 

Ele nem se virou para trás. A Bé tinha dias assim.

Fechou a porta atrás de si e pegou no telefone. Afinal, já estava atrasado para o encontro com a voluptuosa Mónica...



publicado por petitrien às 14:37
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito

Terça-feira, 27 de Novembro de 2007
Devaneios

Começa hoje esta minha aventura na grande autoestrada (autoestrada ou auto-estrada?) da informação.

Este "petit rien" não se propõe grandes "devaneios literários". Propõe-se, isso sim, constituir um espaço em que os dedos discorram sobre as teclas de forma livre (se fosse sobre papel, falaríamos de canetas :)).



publicado por petitrien às 19:30
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito

.Fevereiro 2008
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
11
12
13
14
16

17
18
19
20
21
22
23

24
25
26
27
28
29


.arquivos

. Fevereiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

.posts recentes

. O barro da criação

. Os mistérios da criação

. A chegada da Primavera

. O quarto azul do mar da i...

. O ir e vir da maré

. A meio caminho

. O nascimento da alma

. Uma manhã qualquer

. Devaneios

.arquivos

. Fevereiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

.tags

. todas as tags

.favoritos

. O quarto azul do mar da i...

. A chegada da Primavera

. O espelho da memória

. Despojos

.pesquisar
 
.Amigos
blogs SAPO
.subscrever feeds